DORINA NOWILL

A emulação gráfica do sistema de escrita Braille foi o ponto de partida para o projeto do relatório anual de 2018 da Fundação Dorina Nowill para Cegos.

 

No aspecto visual, composições com pontos, que constituem o Braille, configurando enunciados linguísticos, são distribuídas por toda a publicação; e, no aspecto tátil, o recurso de relevo seco na impressão permitiu criar a textura do sistema de escrita para cegos na capa. Assim, tem-se o Braille, essencialmente ligado à vida de cegos, integrado ao projeto gráfico do relatório anual da Fundação Dorina Nowill.